Treinos de Apneia em Portugal

Apesar de a costa Portuguesa, por norma, não permitir um elevado número de jornadas de pesca por ano, comparativamente a outras modalidades, tradicionalmente é na época Invernal, na realidade finais de Outono, Inverno e inícios de Primavera, que mais se acentua o baixo número de jornadas no mar para a maioria dos Pescadores Submarinos Portugueses, devido às condições meteorológicas como marítimas desfavoráveis para a prática da modalidade.

Os longos períodos de tempo sem mar impostos pelos factores mencionados, resultam numa baixa de forma para os pescadores, dificultando significativamente o regresso à mesma sempre que as condições favoráveis se reúnam, ou seja, as apneias encurtam significativamente, os músculos irão se manifestar por falta de rotinas e a aquacidade também poderá não ser bem o que era à uns meses atrás, semelhante a qualquer desportista no regresso à competição quando foi alvo de uma paragem forçada.

Para mitigar o problema da falta de mar durante estes períodos e também complementar a forma física quando as condições já permitem mar, existem, dispersos pelo país, diversos treinos de Apneia organizados, em piscina e também no mar, que permitem manter um contacto regular com a Apneia, aprender novas técnicas e até melhorar as técnicas utilizadas.

Com esta problemática em mente, o PortugalSub pretende com este artigo dar a conhecer à comunidade alguns dos treinos de Apneia realizados em Portugal. Com este objectivo traçado, o PortugalSub contactou diversas associações, clubes, escolas e grupos, para reunir a informação sobre os treinos de Apneia existentes.

Treinos de Apneia Clube Naval de Rabo de Peixe (Ilha de São Miguel, Açores)

A Apneia como uma modalidade desportiva organizada começou a ser desenvolvida inicialmente na ilha de São Miguel, Açores, em 2009 pelo Clube de Mergulho Livre de S. Miguel. Posteriormente este clube associou-se à secção de Apneia e Caça Submarina do Clube Naval de Rabo de Peixe, mais precisamente, em 2015.

Embora seja uma actividade muito recente no CNRP, alguns dos nossos atletas já tiveram a oportunidade de participar em provas. No ano passado, em Junho, dois atletas competiram no Regional Indoor, na Horta, ilha do Faial, onde alcançaram o 2º lugar masculino e o primeiro lugar feminino na geral.

Em Julho passado, o CNRP organizou o primeiro Azores Freediving Open, que apesar de ter tido poucos atletas inscritos, teve bastante destaque e despertou o interesse da comunidade por ter sido divulgado em vários meios de comunicação. Nesta prova consagrou-se o Graciosense, César Bettencourt, que bateu o recorde nacional na disciplina de Imersão Livre, atingindo uma profundidade de 70 metros.

O CNRP pretende dar continuidade a estas provas e continuar a desenvolver e a promover a prática desta modalidade.

Além da Apneia, o clube também organiza provas de caça submarina, e já conta com oito edições. No próximo dia 28 de Janeiro, realiza-se o 3º Troféu de Ano Novo aberto a qualquer interessado, sócio ou não sócio, Açoriano ou não. Acima de tudo pretende-se que este seja um momento de confraternização e troca de experiências.

Quem pode frequentar os treinos?

Principalmente direccionado ao pessoal da Apneia pura e pesca submarina, bem como a outros praticantes de desportos náuticos nomeadamente surf, bodyboard e também atletas da natação de competição, mas também aberto ao público em geral que procura na Apneia uma forma de treino paralelo para outras modalidades, com o intuito de desenvolver e melhorar a sua capacidade.

Quais são os requisitos para se poder ingressar nos treinos?
Não ter contra indicações para a prática do mergulho em Apneia e claro, saber nadar.

Quem são os Instrutores/treinadores e que certificações possuem?

Francisco Couto, Instrutor AIDA International e atleta da Seleção Portuguesa nos mundiais de apneia 2011, Kalamata, Grécia

O que os atletas poderão encontrar no treino e o que o treino propõe dar aos mesmos?

O Clube Naval de Rabo de Peixe CNRP propõe duas vertentes de treino, uma indoor (piscina), que consiste em dois treinos semanais pós laboral e outra outdoor (profundidade) que são treinos geralmente feitos ao fim de semana em grupo ou durante a semana quando requisitado.

Nos treinos indoor são praticadas as três disciplinas de Apneia pura: Apneia estática; Apneia dinâmica e Apneia dinâmica sem barbatanas. No Treino outdoor (profundidade) as disciplinas são: peso constante; peso constante sem barbatanas e imersão livre.

Numa primeira fase a abordagem será sempre pela aprendizagem da técnica de ventilação correta e segura para a prática da Apneia, bem como técnica de natação com/sem barbatanas para ajudar o atleta a ter uma boa aquacidade. Posteriormente realizam-se treinos de hipercapnia, hipóxia e a finalizar o ciclo performances máximas. No outdoor ou treino no mar, dá-se uma maior importância às técnicas de compensação adequadas para o mergulho em Apneia profundo, bem como uma adaptação progressiva e segura.

Onde e quando se realizam os treinos?

Treinos indoor na Piscina do Complexo Desportivo de Rabo de Peixe, Terças e Quintas das 19:45 às 20:45. Treinos em profundidade, embarcado, costa sul e norte da ilha, geralmente ao fim de semana em grupos ou personalizados. Durante a semana quando requisitado para grupos ou personalizado.

Quais os contactos para quem quiser saber mais informações ou inscrever-se?
[email protected] ou [email protected]

Fonte: Patrícia Nazaré

Treinos de Apneia Caparica Diving (Lisboa)

Os treinos começaram inicialmente em 2005 mas havia grande resistência das piscinas em fazer-se apneias e usar barbatanas e só conseguíamos realizar os treinos em horas que a piscina não era usada. Depois as coisas foram mudando e consegui-se que as piscinas do JAMOR facilitassem a utilização com barbatanas em horários “normais”, o que proporcionou mais adesão por parte de atletas. Desde 2011-2012 a prática tornou-se regular com bastante adesão e com atletas a conseguirem boas performances, que apenas esperam que a Federação Portuguesa de Actividades Subaquáticas (FPAS) comece com as competições, se isso acontecer acredito que haja mais participantes, pois faz falta uma maior divulgação, por parte da FPAS, desta modalidade que é a Apneia.

Quem pode frequentar os treinos?

Desde que saiba nadar pode praticar sem restrições.

Quais são os requisitos para se poder ingressar nos treinos?

Ser federado na FPAS, mas pode ir a 3 sessões experimentais sem ser federado.

Quem são os Instrutores/treinadores e que certificações possuem?

Hugo Silva, FPAS ** (instrutor nível 2), curso treinador desportivo nível 2, curso e instrutor de administração de oxigénio e instrutor de primeiros socorros.

O que os atletas poderão encontrar no treino e o que o treino propõe dar aos mesmos?

Poderão encontrar um grupo de malta divertida e treinos divertidos mas sempre com profissionalismo e seriedade acima de tudo, o treino serve para alcançar novos limites dentro de um modo seguro. Os treinos são realizados em 3 modalidades: Apneia dinâmica com barbatanas, sem barbatanas e Apneia estática. Existem ainda treinos de técnica de mês a mês (nas 3 modalidades) que serve para os novos atletas conseguirem alcançar a técnica correcta e para os restantes aperfeiçoarem as técnicas. Em complemento destes treinos de piscina são também realizados treinos de mar de peso constante e imersão livre e peso constante sem barbatanas mas que dependem das condições meteorológicas. Normalmente, estes são realizados maioritariamente durante a Primavera, Verão e Outono e param durante o Inverno onde apenas se realizam treinos de piscina (inicio de época).

De uma forma geral os atletas tem vindo a melhorar as suas performances ao longo dos treinos existindo mesmo atletas que já são recordistas nacionais e outros com marcas muito próximas disso.

Onde e quando se realizam os treinos?

Piscinas do complexo desportivo do JAMOR, todas as Terças e Quintas das 21 às 22 horas.

Quais os contactos para quem quiser saber mais informações ou inscrever-se?

http://hugodiving.wixsite.com/caparicadiving
[email protected] ou 965116593 (Hugo Silva)

Fonte: Hugo Silva

Treinos de Apneia Clube Pescasub (Lisboa)

Os treinos de apneia tiveram origem numa vontade do Miguel Ferreira, Raul Arenas e Joaquim Chaves em manter a ligação à modalidade mesmo com condições de mar adversas. Assim, procurámos um local onde pudéssemos treinar, no ano de 2015, e começamos em Belém. Em 2016 sentimos a necessidade de evoluir e passamos para o JAMOR. Fomos surpreendidos pela rápida adesão dos atletas da comunidade, atingindo rapidamente as duas dezenas de praticantes.

Quem pode frequentar os treinos?

Todos os amantes da Pesca Submarina são bem vindos, assim como Apneístas e nadadores em geral. O objectivo é manter a boa forma física.

Quais são os requisitos para se poder ingressar nos treinos?

Ser filiado na FPAS (para ter o seguro) e ser sócio do clube Pescasub.

Quem são os Instrutores/treinadores e que certificações possuem?

Raul Arenas, credenciado pela FPAS e pela Apnea Academy.

O que os atletas poderão encontrar no treino e o que o treino propõe dar aos mesmos?

Os nossos atletas podem encontrar um treino bastante completo, com uma introdução de Yoga virada para a respiração como aquecimento e um completo treino de Apneia na melhor piscina olímpica do país, três vezes por semana. Este treino permite que o atleta esteja em forma, mesmo durante os meses em que o mar não permite mergulhar e ainda estar num constante processo de correcção e aperfeiçoamento das suas técnicas. Estes treinos também funcionam como tertúlia onde se fala da modalidade e se ganham companheiros de pesca.

Onde e quando se realizam os treinos?

Piscinas do complexo desportivo do JAMOR, Segundas e Sextas, com Yoga direccionadas à Apneia das 20:30 às 21:00 horas e depois treinos de piscina até às 22:00 horas. Quartas-feiras das 20:15 às 21:00 horas, corrida e treinos de piscina das 21:00 às 22:00 horas.

Quais os contactos para quem quiser saber mais informações ou inscrever-se?

Clube Pescasub – Miguel Ferreira 966922829

Fonte: Miguel Ferreira

Treinos de Apneia SJM-SUB (São João da Madeira)

A Associação de Actividades Subaquáticas de S. João da Madeira (SJM-SUB), fundada em 2009, tem uma equipa de atletas que praticam regularmente Apneia, mais em piscina do que no mar, visto que raramente há condições aqui no norte para praticar neste meio.

Uma vez por ano, organizamos um torneio de apneia indoor, no último fim de semana antes do Natal.

Quem pode frequentar os treinos?

Para poder participar nos treinos basta fazer-se amigo da SJM-SUB (Associação de Actividades Subaquáticas de São João da Madeira). Só depois de algum tempo e se houver interesse em fazer-se associado é proposto por um sócio e a admissão é decidida em reunião da Direcção.

Quais são os requisitos para se poder ingressar nos treinos?

A filiação na FPAS não é um requisito obrigatório mas aconselhamos os atletas a filiarem-se.

Quem são os Instrutores/treinadores e que certificações possuem?

Os treinos são ministrados por dois apneístas com larga experiência mas sem formação para o efeito. A formação (Curso de Apneia nível 2 da FPAS), sempre que haja um número mínimo de interessados, é dada por Paulo Moreira, formador da Federação.

O que os atletas poderão encontrar no treino e o que o treino propõe dar aos mesmos?

Os atletas podem encontrar um bom ambiente de camaradagem e podem desenvolver a sua Apneia de acordo com os nossos métodos de treino que não serão muito diferentes dos utilizados por outras instituições especializadas no desenvolvimento da Apneia. Para além disso, há sempre a oportunidade de conhecer gente que pratica Pesca Submarina e participar nas saídas que o clube organiza, sempre que o mar permite.

Onde e quando se realizam os treinos?

Treinamos 3 vezes por semana (2ª, 4ª e 5ª) nas piscinas municipais de S. João da Madeira, cedidas gratuitamente pela autarquia. Os treinos passam a ser diários durante a época balnear, altura em que o complexo de piscinas exteriores está aberto ao público (piscina olímpica e poço de 4,5 metros de profundidade).

Quais os contactos para quem quiser saber mais informações ou inscrever-se?

[email protected] ou 917288911 (Daniel Neto)

Fonte: Daniel Neto

Treinos de Apneia Grupo de Treino Madeira Spearfishing (Funchal, Madeira)

O grupo de treino Madeira Spearfishing surge a partir da identificação de três problemas essenciais:

  1. Regularidade – a maioria dos Caçadores Submarinos pratica a sua actividade maioritariamente no Verão e “hibernam” no Inverno/Primavera. Na generalidade, melhoram significativamente as suas capacidades físicas, de uma forma relativamente crescente, durante a época Veranil, mas perdem-nas durante a “hibernação”. O processo reinicia-se Verão seguinte mas no ponto de partida anterior, em vez de um patamar superior. A evolução positiva é assim mitigada. Para além disso, observam-se duas contradições. Os Caçadores Submarinos estão abaixo de “forma” no início da “época” Venatória e ficam no “topo de forma” quando ela acaba. Portando, é preciso assegurar o princípio fundamental da continuidade do treino.
  2. Ausência de grupo de treino – entre 2006 e 2011 havia um grupo de treino de Apneia no Clube Naval do Funchal, que se extinguiu, embora houvesse praticantes interessados em treinar Apneia regularmente.
  3. Inexistência de um sistema de treino específico para o Caçador Submarino – a maioria dos treinos de Apneia foca-se bastante na tolerância à hipóxia e hipercapnia, relaxamento, respiração e flexibilidade. Mas o Caçador Submarino precisa mais do que isso. Precisa de uma integração das capacidades volitivas e neuro-motoras, de preferência, em ambientes diversificados. Portanto, é nossa convicção que o treino funcional e ecológico (em cenários e situações aproximados da realidade) é o caminho a seguir.

Quem pode frequentar os treinos?

Qualquer praticante com idade mínima obrigatória de 18 anos, independentemente do género.

Quais são os requisitos para se poder ingressar nos treinos?

Filiação na FPAS mediante exame médico desportivo.

Quem são os Instrutores/treinadores e que certificações possuem?

Cláudio Vieira, Licenciado em Educação Física e Desporto, Mestre em Ensino da Educação Física, Instrutor de Apneia FPAS, Instrutor PADI (SCUBA & freediver instructor) e Personal Trainer & Group Trainer.

O que os atletas poderão encontrar no treino e o que o treino propõe dar aos mesmos?

Actividades incluídas: Apneia, Caça Submarina, Natação e treino funcional.

Incidência:

  • Flexibilidade (libertação mio-fascial; alongamentos locais, globais, dinâmicos e integrados; posturas de Yoga).
  • Respiração (técnicas isoladas e integradas).
  • Relaxamento (métodos de relaxamento e técnicas de visualização).
  • Hidrodinâmica (postura corporal, eficiência técnica e correções).
  • Salvamento (técnicas e prevenção).
  • Simulações ecológico-funcionais (situações de caça hipotéticas).
  • Condicionamento metabólico (postura, força, potência, velocidade, resistência cardiorrespiratória, resistência muscular, agilidade, destreza geral, coordenação, equilíbrio, precisão).

Onde e quando se realizam os treinos?

Três vezes por semana (Segunda-feira, Quarta-feira e Sexta-feira), com duração de 60 minutos, início à 20:00 e término às 21:00 horas no Complexo de Piscinas Olímpicas da Penteada.

Quais os contactos para quem quiser saber mais informações ou inscrever-se?

http://claudiovieiraok.wixsite.com/madeiraspearfishing
http://madeiraspearfishing.blogspot.pt/
https://www.facebook.com/groups/madeiraspearfishing/
E-mail: [email protected]

Fonte: Cláudio Vieira

Comentários